o Passos Coelho e os correios

Passos Coelho queria um selo com a sua foto para deixar para a posteridade o seu mandato no Governo deste país que está de tanga. Os selos são criados, impressos e vendidos. O nosso PM fica radiante! Mas em poucos dias ele fica furioso ao ouvir reclamações de que o selo não adere aos envelopes.

O Primeiro-ministro convoca os responsáveis e ordena que investiguem o assunto. Eles pesquisam as agências dos Correios de todo o país e relatam o problema.

O relatório diz:
"Não há nada de errado com a qualidade dos selos. O problema é que o povo está a cuspir no lado errado."

A morte do padre

médico
padre

O velho padre, durante anos, tinha trabalhado fielmente com o povo africano, mas voltou a Lisboa, doente e moribundo. No Hospital de Santa Maria, é a notícia da hora.

Já nos últimos suspiros, ele faz um sinal à enfermeira, que se aproxima.

– Sim, Padre? diz a enfermeira.

– Eu queria ver dois proeminentes políticos antes de morrer: Cavaco Silva e Passos Coelho, sussurrou o padre.

– Sim, Padre, verei o que posso fazer, respondeu a enfermeira.

Ela entra em contacto com a Assembleia da República e logo recebe a notícia: ambos também gostariam muito de visitar o padre moribundo.

A caminho do hospital, Cavaco diz a Passos Coelho:

– Eu não sei porque é que o velho padre nos quer ver, mas certamente que isso vai ajudar a melhorar a nossa imagem perante a Igreja e o povo, o que é sempre bom. Passos Coelho concordou, naturalmente.

Era uma grande oportunidade para eles, em queda no nível de popularidade, pelo que até foi enviado um comunicado oficial à imprensa sobre a visita.

Quando chegaram ao quarto, com toda a imprensa presente, o velho padre pegou na mão de Cavaco Silva, com sua mão direita e na mão de Passos Coelho, com sua esquerda.

Houve um grande silêncio e notou-se um ar de pureza e serenidade no semblante do padre.

Passos Coelho, morto de curiosidade, pergunta:

Padre, porque é que fomos nós os escolhidos, entre tantas pessoas, para estar ao seu lado, no seu fim?

O Padre, lentamente, disse:

– Sempre, em toda a minha vida, procurei ter como modelo o Nosso Senhor Jesus Cristo.

– Amém, diz Aníbal.

– Amém, diz Passos.

E o Padre concluiu:

– Então… como Ele morreu entre dois ladrões, eu quero fazer o mesmo!!!

As mães também se enganam … pois

crédito: desconhecido

Téquinfim….

No pátio da penitenciária a diretora pega num megafone e anuncia:
– "Tenção cambadivagabundu, chega di moleza! ! Quero ocês tudo devassorana mão, limpandesse chiquero onde ocês mora. Quero tudim tudim limpim! Modi qui, amanhã nóis vamo recebê os Presidente Cavacos Sirva e os Primeiro Ministro Passos Coelho."

Um preso comenta então para o colega ao lado:

TÉQUINFIM, PRENDEROS FIDAPUTA!

Passos Coelho vai

A vidente concentra-se, fecha os olhos e diz: – Vejo o senhor a passar numa avenida, em carro aberto, com o povo a acenar. Encantado, Passos Coelho, pergunta: – E a multidão, está feliz? – Como nunca! – E o povo, corre atrás do carro? – Atrás e à volta. Como loucos! – A polícia até tem dificuldade em abrir caminho – As pessoas, carregam bandeiras, dísticos? – Sim, bandeiras de Portugal e faixas com palavras de esperança A sério?! E gritam, cantam? – Gritam: “Agora sim!!! Agora tudo vai melhorar! ” – E eu, como é que eu reajo? – Não dá p’ra ver. – Não dá p’ra ver?! – Não! – O caixão vai fechado…

Censos 2012

Passos de férias na Manta Rôta


[cid:19BA94F627AD4C2DA7EC7E06C36FE88A@winb37dbf02f28]

________________________________

A mija do Passos Coelho …!!!!!


O Primeiro-ministro vai a conduzir quando lhe dá uma enorme vontade de ir à
casa-de-banho.

Ele encosta o carro, sai, desaperta as calças e começa a mijar.

Mal termina, aparece um polícia.

Diz o guarda:

– Boa noite… Estava a mijar na via pública?

– Estava, sim. Eu admito. Sinta-se à vontade para cumprir o seu dever e para
me autuar, ou mesmo prender, se for o caso.

– Ora essa, de modo algum! O senhor é… o nosso Primeiro-Ministro!

– Ora, mas lá por ser Primeiro -Ministro não significa que esteja acima da
lei!

– Pois…mas não é isso… É que o senhor já fez tanta merda que agora não
faria sentido multá-lo por uma mijinha!

Deus português

Um menino de 9 anos queria ganhar 100 euros e rezou durante 2 semanas para Deus.
Como nada acontecia, ele resolveu mandar uma carta para o Todo-Poderoso com seu pedido.
O correio recebeu uma carta endereçada para “Deus-Portugal”
Resolveram mandá-la para o Passos Coelho.
Passos ficou muito comovido com o pedido e resolveu mandar uma nota de 10 euros para o menino, pois achou que 100 euros era muito dinheiro para uma “criança pequena.
O miudo recebeu os 10 euros e imediatamente notou o endereço do remetente: Governo Portugues.
Pegou papel e caneta e sentou-se para escrever uma carta de agradecimento:
– Prezado Deus: Muito obrigado por me mandar o dinheiro que pedi, contudo, eu pediria que, na próxima vez, o Senhor mandasse direto pro meu endereço, porque quando passa pelo Governo Portugues, esses filhos da P**A …, ficam logo com 90% !!!

________________________________

É da Policia?

polícia


1

Ciclo de Conferências – Agradeço divulgação


Ciclo de conferências sobre o tema “Emigração no sec XXI”

Serão oradores os melhores especialistas da actualidade.

Promoção: PM&Cia

Acesso gratuito.

(Ver programa em anexo)

Resoluções de Ano Novo

________________________________

Abolição de Feriados

O primeiro feriado a ser anulado deve ser o 25 de Dezembro, pois sem o respectivo subsídio não faz sentido comemorar tristezas!
Depois o 1 de Maio, uma vez que estamos praticamente com a maioria dos trabalhadores no desemprego!
O 25 de Abril deve ser só considerado tolerância de ponto entre as 00H00 e as 6H00 da manhã!
O 10 de Junho deve ser eliminado, uma vez que quem manda nisto é a troika!
Devemos manter-nos inflexíveis na defesa do 1 de Novembro, pois é o dia dos mortos

________________________________

A chegada do FMI… cartoon by Henrique

Santos,Portugal,Zé Povinho

http://c9.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/o6206b844/8330261_9GliR.jpeg

FRASE DO ANO