Lobo Mau!!!

Filhos…

papagaio

Eram três filhos que saíram de casa, conseguiram bons empregos e
prosperaram.
Anos depois, eles encontraram-se e estavam a discutir sobre os presentes que
conseguiram comprar para a mãe, que já era bem idosa.
O primeiro disse:
-Eu consegui comprar uma mansão enorme para a mãe.
O segundo disse:
– Eu enviei-lhe um Mercedes topo de gama com motorista.
O terceiro sorriu e disse:
– Com certeza ganhei-vos em matéria de presentes. Vocês sabem como a mãe
gosta da Bíblia, mas ela está praticamente cega e não consegue mais ler.
Então, mandei-lhe um papagaio castanho, raro, que consegue recitar a Bíblia
todinha. Foram 12 anos de treino num mosteiro, por 20 monges diferentes. Eu
tive de doar 1000 contos por ano para o mosteiro, durante 10 anos, mas valeu
a pena. A mãe precisa apenas dizer o capítulo e o versículo, que o papagaio
recita-o sem um único erro.
Tempo depois, os filhos receberam da mãe uma carta de agradecimento pelos
presentes:
“José, a casa que me compraste é muito grande. Eu moro apenas num dos
quartos e canso-me bastante a limpar a casa toda”.
“Chico, eu estou muito velha para sair de casa e viajar. Eu fico em casa o
tempo todo e nunca uso o Mercedes que me deste. E o motorista também é muito
mal educado.”
“Querido António, foste o único filho que teve bom senso para saber o que a
tua mãe realmente gosta. Aquela galinha estava deliciosa, muito obrigada.”

65 anos de casados! Ainda há homens como antigamente!

Um casal de velhotes faziam 65 anos de casados e foram a um restaurante
festejar.

Diz o velhote – Minha Rainha, onde te queres sentar?
– Aqui – diz a velhota.
– Princesa, queres um aperitivo?
– Sim, obrigado.
– Meu anjo, o que te apetece comer?
Ela pede a ementa e faz o seu pedido.
– Meu doce, que vinho preferes?

O empregado mal podia acreditar no que ouvia.

A velhota vai ao WC e ele aproveita para falar com o velhinho:
– Como consegue chamar à sua esposa esses nomes tão lindos ao fim de tantos
anos? Rainha, Princesa, Anjo, Doce… Estou verdadeiramente admirado.

O velhote olha o empregado nos olhos e responde:
– Sabe, é que não me consigo lembrar do nome da gaja!

ADEUS Mamãe

Estava fazendo compras no SUPERMERCADO e uma velhinha me seguia pelas gôndolas, sempre sorrindo.Eu parava para pegar algum produto, ela parava e sorria: uma graça a velhinha! Já na fila do caixa, ela estava na minha frente com seu carrinho abarrotado, sorrindo:

– Espero não tê-lo incomodado, mas você se parece muito com meu falecido filho…

Com um nó na garganta, respondi não haver problema, tudo estava bem.

– Posso lhe pedir algo incomum? disse-me a senhora idosa.

– Sim. Se eu puder lhe ajudar…

– Você pode se despedir de mim dizendo “Adeus, mamãe, nos vemos depois”? Assim dizia meu filho querido… ficarei muito feliz!

– Claro senhora, não há nenhum problema, disse eu para alegria da velhinha. A velhinha passou a caixa registradora, se voltou sorrindo e, agitando sua mão, disse:

– ADEUS filho… Cheio de amor e ternura, lhe respondi efusivamente:

– ADEUS mamãe, nos vemos depois? – Sim… nos vemos depois, querido!

Contente e satisfeito com o pouco de alegria dado à velhinha, passei minhas compras.

– R$ 554,00, diz a moça do caixa.

– Tá louca? Dois sabonetes e duas pilhas?

– Mas as compras da sua mãe… ela disse que você pagaria!!!

– VELHA FILHA DA PUTA!!

Colegas de escola!!!!

escola
médico
professor


Já lhe aconteceu, ao olhar para pessoas da sua idade, pensar: não posso
estar assim tão velho(a)?!!!!

Veja o que conta uma amiga:
– Estava sentada na sala de espera para a minha primeira consulta com um
novo dentista, quando observei que o seu diploma estava exposto na parede.
Estava escrito o seu nome e, de repente, recordei-me de um moreno alto, que
tinha esse mesmo nome.
Era da minha turma do Liceu, uns 30 anos atrás, e eu
perguntei-me: poderia ser o mesmo rapaz por quem eu tinha me apaixonado à
época?
Quando entrei na sala de atendimento, imediatamente afastei esse pensamento
do meu espírito. Este homem grisalho, quase calvo, gordo, com um rosto
marcado, profundamente enrugado… era demasiadamente velho para ter sido a
minha paixão secreta.
Depois de ele ter examinado o meu dente, perguntei-lhe se ele tinha estudado
no Colégio Sacré Coeur.
– Sim, respondeu-me.
– Quando se formou?, perguntei.
– 1965. Por que pergunta?, respondeu.
– É que… bem… o senhor era da minha turma!, exclamei eu.
E então, este velho horrível, cretino, careca, barrigudo, flácido, filho de
uma puta, lazarento perguntou-me:

– A Sra. era professora de quê?

NUNCA SUBESTIMEM UM IDOSO

Uma velhinha foi ao supermercado e colocou a ração de gato mais cara no
carrinho.
Quando chegou à caixa a moça disse-lhe:
– Desculpe, mas nós não podemos vender-lhe a ração para gatos sem a prova de
que a senhora realmente tem gatos. Muitos idosos compram ração de gatos para
comer, e a gerência quer ter provas de que a senhora está realmente a
comprar a ração para o seu gato.
A velhinha foi para casa, pegou no gato e levou-o ao super mercado e eles
então venderam-lhe a ração.
No dia seguinte, a velhinha foi ao supermercado novamente e comprou 12 dos
mais caros biscoitos para o seu cachorro.
A caixa, novamente, pediu provas de que ela realmente tinha um cachorro,
explicando que os idosos costumavam comer comida de cachorro.
Frustrada, ela foi para casa e voltou com o seu cachorro, e pôde então levar
os biscoitos.
Noutro dia, a velhinha voltou ao mercado trazendo uma caixa com um buraco na
tampa e pediu para a moça colocar o dedo no buraco.
A moça da caixa disse:
– Não ! – Pode ter uma cobra aí dentro!!!
A velhinha assegurou-lhe que não tinha cobra de estimação, e que não havia
nada na caixa que pudesse mordê-la…
Então a moça da caixa enfiou o dedo no buraco, tirou, cheirou e disse:
– Hummm… mas isto é merda!!!
A velhinha então sorriu de orelha a orelha e confirmou:
– É merda mesmo! – Agora, minha querida, posso comprar três rolos de papel
higiénico???

A Velhinha, o balde, a tinta, os frangos e o ganso…

Um agricultor resolveu ir a pé de volta para a sua quinta. No caminho,comprou
um balde, uma lata de tinta, dois frangos e um ganso vivos.

Quando saiu, parou e ficou a pensar como iria levar as compras para
casa. Enquanto coçava a cabeחa, apareceu uma velhinha que lhe disse
estar perdida e lhe perguntou:

– Pode explicar-me como chego até a Estrada das Andorinhas?

– Bem – diz o agricultor – a minha quinta fica prףxima desse local. Eu
levaria a senhora até lá mas ainda não resolvi como vou carregar tudo
isto.

A velhinha então sugeriu:

– Olhe, coloque a lata de tinta dentro do balde, carregue o balde numa
das mãos, um frango sob cada braço e o ganso na outra mão.

– Muito obrigado… – disse o homem – é uma boa ideia.

A seguir, partiram os dois para o destino.

No caminho, ele disse:

– Vamos cortar caminho e por este atalho, pois assim economizamos muito
tempo.

A velhinha olhou-o cautelosamente e disse:

– Eu sou viúva e solitária e não tenho marido para me defender. Como
vou eu saber se quando estivermos no atalho você não avançará para mim
e levantará a minha saia para fazer alguma coisa comigo?

Diz o homem:

– Impossível, estou a carregar um balde, uma lata de tinta, dois
frangos e um ganso vivos. Como poderia eu fazer isso com tanta coisa
nas mãos, sendo que se as soltar as aves são as primeiras a fugir?

Responde a velhinha:

– Simples, coloque o ganso no chão, ponha o balde invertido sobre ele
e coloque a lata sobre o balde que eu seguro os frangos…

http://www2l.incredimail.com/gcontent/stamps/new2011/pixel.gif?upn=675758265169805539

Como a medicina evoluiu

médico

C8FECF12-2AC8-4143-91C4-63A31EB0D520

A sabedoria dos mais velhos…

Um agricultor resolveu ir a pé de volta para a sua quinta.
No caminho, comprou um balde, uma lata de tinta, dois frangos e um ganso
vivos.

Quando saiu, parou e ficou a pensar como iria levar as compras para casa.
Enquanto coçava a cabeça, apareceu uma velhinha que lhe disse estar perdida
e lhe perguntou:
– Pode explicar-me como chego até a Estrada das Andorinhas?
– Bem – diz o agricultor – a minha quinta fica próxima desse local. Eu
acompanharia a senhora até lá, mas ainda não resolvi como vou carregar tudo
isto.
A velhinha então sugeriu:
– Olhe, coloque a lata de tinta dentro do balde, carregue o balde numa das
mãos, um frango sob cada braço e o ganso na outra mão.
– Muito obrigado… – disse o homem – é uma boa ideia.

A seguir, partiram os dois para o destino.
No caminho, ele disse:
– Vamos cortar caminho e por este atalho, pois assim economizamos muito
tempo.
A velhinha olhou-o cautelosamente e disse
– Eu sou viúva e solitária e não tenho marido para me defender. Como vou eu
saber se quando estivermos no atalho você não avançará para mim e levantará
a minha saia para fazer alguma coisa comigo?
Diz o homem:
– Impossível, estou a carregar um balde, uma lata de tinta, dois frangos e
um ganso vivos. Como poderia eu fazer isso com tanta coisa nas mãos, sendo
que se as soltar as aves são as primeiras a fugir?

Responde a velhinha:
– Simples, coloque o ganso no chão, ponha o balde invertido sobre ele e
coloque a lata sobre o balde que eu seguro os frangos…

Curta, Directa e Actual…


A avó diz neta:

-Eu, com a tua idade já trabalhava!

A neta responde:

-E eu, com a tua idade, ainda vou estar a trabalhar!

DICAS PARA FAZER AMOR NA 3ª IDADE

1. Use óculos. Certifique-se de que sua companhia está realmente na cama.

2. Ajuste o despertador para tocar dentro três minutos, só para caso de
adormecer durante a performance.

3. Deixe telemóvel programado para o número da “EMERGÊNCIA MÉDICA”

4. Escreva na sua mão o nome da pessoa que está consigo na cama, para o caso
de não se lembrar.

5. Fixe bem a dentadura para que ela não acabe por cair para debaixo da
cama.

6. Tenha Voltaren Gel à mão. Isto, para o caso de você cumprir a
performance!

7. Faça quanto barulho quiser. Os vizinhos também são surdos…

8.Nunca, jamais, pense em repetir a dose.

9. Não se esqueça de levar dois travesseiros para coloca-los sob os joelhos,
para não forçar a artrose.

10. Se for usar camisinha, avise antes o piupiu que não se trata de touca
para dormir, senão ele pode confundir.

11 . Ah! O mais importante, pode tirar a parte de baixo do pijama, mas fique
com a de cima para não apanhar gripe.

(Estas dicas foram escritas em letras grandes para o auxiliarem na sua
leitura)

Vacina anti-tétano…

Um septuagenário veste o casaco preparando-se para sair de Casa.
A mulher, sentada em frente à televisão, pergunta-lhe:
-Onde é que vais?
-Vou ao médico – responde ele.
-Porquê? Estás doente?
-Não. Vou ver se ele me receita Viagra.
A mulher, levanta-se da cadeira de baloiço, e vai também buscar o casaco.
Ele pergunta-lhe:
– E TU onde é que vais?
– Vou também ao médico.
– Porquê?
– Se vais começar a usar uma coisa enferrujada, acho melhor ir vacinar-me
contra o tétano…

Cachecol fashion !!!!!


Estás cansada de ser ignorada?

Sentes-te despercebida e à margem?

Estás cansada de ser esquecida?

Usa este cachecol ao pescoço!!!

Usa a moda mais recente e serás, também,

o centro das atenções. . .

[cid:image001.jpg@01CB5328.325CC950]

Nós não paramos de rir só por que envelhecemos…

Envelhecemos porque paramos de rir….