Num seminário de senhoras

Um grupo de mulheres reuniu-se num seminário sobre como melhorar a sua vida conjugal.

Em fase introdutória, foi-lhes questionado: “Quais de vós ainda amam os seus maridos?”

– Todas levantaram a mão!

De seguida foram inquiridas sobre qual a última vez que teriam dito aos seus maridos que o amavam

– Algumas responderam “Hoje”, outras “Ontem” a maioria não se recordava!

Por fim fizeram um teste e pediram-lhes que todas agarrassem no respetivo telemóvel e enviassem

um sms aos seus maridos dizendo “Amo-te muito querido.”

Depois foi-lhes pedido que mostrassem as respostas dos respetivos maridos.

Estas foram algumas das respostas:

– Mãe dos meus filhos! Tu estás bem??

– Que foi? Bateste com o carro outra vez?

– Que fizeste agora? Desta vez não te perdoo!

– Que queres dizer?

– Não andes com rodeios, diz-me só de quanto precisas.

– Estarei a sonhar?

– Se não me dizes para quem era este sms, juro que te mato!

E a melhor de todas:

– Quem és?

Sexo, Super sexo e Amor

Uma mulher mais velha explicava a uma amiga bem mais nova o que era SEXO, SUPER-SEXO e AMOR.

– Sexo é quando um homem te dá regularmente 5 mil euros por mês, te leva a um bom restaurante e depois te leva para a cama. Super-sexo é quando um homem te dá regularmente 10 mil euros por mês, te leva a um restaurante francês em Paris e depois te leva para a cama.
– E Amor? ? pergunta a mais nova
– Amor é uma técnica que os pobres inventaram para te comer de graça.

Cinco regras para um homem ser feliz

1. É importante que tenha uma mulher que o ajude na casa, cozinhe, limpe e que tenha um trabalho fora para ajudar nas despesas.

2. É importante que tenha uma mulher com sentido do humor e que o faça rir.

3. É importante que tenha uma mulher em quem confie e que não minta.

4. É importante que tenha uma mulher que seja boa na cama e que goste de estar consigo.

5. E muito, muito, muito, muito importante, que essas quatro mulheres não se encontrem!

Teste do amor

Para saberes quem te ama de verdade, faz o seguinte teste:

1 – Tranca o teu cão e a tua mulher na bagageira do carro.
2 – Aguarda exactamente uma hora…
3 – Abre a bagageira…
4 – Vê quem está feliz por te ver novamente.

É impressionante!

Afinal sempre há anedotas românticas!…

Romeu e Julieta estavam sozinhos, numa noite de luar, muito romântica, a
conversar:
– Romeu, não queres que eu pegue no teu belo membro com as minhas mãos e o
acaricie com toda a delicadeza, para sentires um prazer intenso?
– Nem pensar! Como podes querer usar essas mãos tão lindas e puras para algo
assim?
– Meu amor, queres então que eu pegue nesse teu magnífico pau e o coloque
entre os meus seios e pernas, para que sintas um prazer duradouro e
maravilhoso?
– Nunca! Nunca permitiria que essas partes tão privadas, tão brancas e sem
manchas sejam tocadas por uma parte tão impura de meu corpo.
– Ah! Amado meu, e se introduzisses esse grande e viril pedaço de carne na
minha boca, para que eu te possa proporcionar um imenso e louco prazer?
– Estás doida? Não posso sequer pensar que o meu membro possa tocar nessa
boca tão linda e pura, que existe só para dizer palavras de amor e carinho.
– Está certo, Romeu. Vamos então pensar noutra coisa qualquer para tirares o
teu pau do meu cu, que já tá a começar a doer…

AMOR ALENTEJANO

alentejano


[cid:image001.jpg@01CCA944.2B780D20]

[cid:image002.jpg@01CCA944.2B780D20]

________________________________

65 anos de casados!

Um casal de velhotes faziam 65 anos de casado e foram a um restaurante
festejar.

Diz o velhote

– Minha Rainha, onde te queres sentar?

– Aqui, diz a velhota.

– Princesa, queres um aperitivo?

– Sim, obrigado.

– Meu anjo, o que te apetece comer?

Ela pede a ementa e faz o seu pedido.

– Meu doce, que vinho preferes?

O empregado mal podia acreditar no que ouvia.

A velhota vai ao WC e ele aproveita para falar com o velhinho:

– Como consegue chamar à sua esposa esses nomes tão lindos ao fim de tantos
anos? Rainha, Princesa, Anjo, Doce… Estou verdadeiramente admirado.

O velhote olha o empregado nos olhos e responde:

– Sabe, é que não me consigo lembrar do nome da gaja!

Minuto de cultura do dia…

mulher


Questão: Como nasceu o hábito dos casais andarem de mãos dadas?

Resposta: Foi um procedimento de iniciativa masculina:
“Se eu a soltar, ela vai às compras.”

É lindo o amor no Alentejo……

alentejano

Uma mulher apaixonada envia um SMS, com muito amor, ao seu amado alentejano, dizendo:
Meu amor, se estás a dormir, envia-me os teus sonhos!
Se estás a rir, envia-me o teu sorriso!
Se estás chorando, envia-me as tuas lágrimas!
Eu amo-te!
Ao que o homem responde…
Mê amore …. tou cagando. Queres que te envie alguma coisa?

Como um gajo escolhe uma mulher???!!!!

mulher

Um homem tinha três namoradas e não sabia com qual delas deveria casar.
Resolveu, então, fazer um teste para ver qual estava mais apta a ser a sua mulher.Tirou 15 mil euros do banco, deu 5 mil para cada uma e disse:
– Gastem como quiserem.

A primeira foi ao shopping, comprou roupas, jóias, foi ao cabeleireiro, salão de beleza, etc. Voltou para o homem e disse:
– Gastei todo o teu dinheiro para ficar mais bonita para ti, para te agradar. Tudo isso porque te amo.
A segunda foi ao mesmo shopping, comprou roupas para ele, um leitor de
CD, uma televisão écran plano, dois pares de ténis para jogar basquetebol, tacos de golfe e filmes porno. Voltou para o homem e disse:
– Gastei todo o teu dinheiro para te fazer mais feliz, te agradar. Tudo isso porque te amo.
A terceira pegou no dinheiro, aplicou em acções. Em três dias duplicou o investimento, devolveu os 5 mil Euros para o homem e disse:
– Apliquei o teu dinheiro e ganhei o meu. Agora posso fazer o que quiser com o meu dinheiro.Tudo isso porque eu te amo.
Então o homem pensou,

pensou.

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou… (os homens, pensam muito…)

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou..

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…. (os homens, pensam mesmo muito…)

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou…

pensou..

pensou…

E casou com aquela que tinha as mamas maiores!

Antes e depois do casamento…


ANTES DO CASAMENTO:

Ele: – Finalmente. Custou tanto esperar por este momento.
Ela: – Você quer que eu vá embora?
Ele: – Não! Nem pense nisso.
Ela: – Você me ama?
Ele: – Claro! Muito, muito!
Ela: – Alguma vez você já me traiu?
Ele: – NÃO!!!
Ela: – Me beija.
Ele: – Evidente! Sempre que possível!
Ela: – Você seria capaz de me bater?
Ele: – Você está doida! Jamais!
Ela: – Posso confiar em ti?
Ele: – Sim.
Ela: – Querido!

Depois do casamento…

“Ler de baixo para cima. Hahaha!!!!”