Subtileza feminina...

Depois de me reformar, fui até à Seg. Social para poder receber a reforma.
A mulher que me atendeu solicitou o meu bilhete de identidade para verificar a idade. Procurei nos bolsos e percebi que o tinha deixado em casa. A funcionária disse que lamentava, mas teria que o ir buscar a casa e voltar depois. E disse-me, “Desabotoe a camisa.”
Então, desabotoei-a deixando expostos os meus cabelos crespos prateados. Ela disse, “Este cabelo prateado no seu peito é prova suficiente para mim,” e processou a minha reforma. Quando cheguei a casa, contei entusiasmado o que ocorrera à minha mulher.
E ela disse: “Por que não baixaste as calças? Poderias ter conseguido invalidez permanente também… ”

Leave a Reply

 

 

 

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>