O baiano e a tartaruga

Numa bela manha de segunda-feira, deitado na rede, o baiano (semelhantes aos alentejanos) chama a sua mãe:

– Mainha, cê tem remédio pra mordida de tartaruga aí, tem?

– Tem não! Porquê? A danada da tartaruga te mordeu, foi?

– Mordeu inda não, mas tá vindo em minha direcção!

Leave a Reply

 

 

 

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>