Ti Zé Amolador-Anedota alentejana…

alentejano

Ti Zé Amolador, homem de Beja já com 89 anos, de bengalinha de cabo de
bronze aparecia nas conversas de má língua no bancos do Jardim de Beja,
junto ao Coreto, e logo às 9 horas, quando o portão se abria.

Ali a velhada aparecia para ouvir cantar a passarada, falar dos verdadeiros
e falsos engates do passado, discutir os problemas mundiais e até dizer mal
do Governo, coisa que sabiam fazer de forma bem fundamentada na experiência
de muitas fomes….

Um dia o Ti Zé deixou de aparecer e ninguém sabia o que lhe tinha
acontecido!
Nas páginas do Diário do Alentejo a fotografia não vinha, era sinal que
estava vivo. Mas pra onde fora o compadre?
Passados que foram uns 30 dias lá apareceu, arrastando a bengalinha e com ar
lavado de boa disposição…

– C’âconteceu a vomecê que esteve tanto tempo sem apareceri?
– Estive na Pensão do Maragato, que é a prisão de Beja como vomecês bem
sabem…
– Na Cadeia? Por que motivo?
– Nâ foi de passeio, nâ senhor, foi memo no xelindró, lá dentro na masmorra,
fechado com aquelas grandes chavonas, se calhar com medo que eu fugisse…
– Vomecês conhecem a Maria Catarina, aquela loiraça boazona comó milho, da
padaria que eu vou de vez em quando comprar um panito?
– Claro que conheço, disse um deles – atão até tenho a vista deste lado mais
cansada de tanto olhar prás pernas da gaja… então e daí?
– Bem, atão ná é que a magana foi à Polícia e denunciou-me por lhe ter
saltado prá espinha e com as modernices d’agora dizem que é violação sexual
?
…e eu, cá com meus 89 anitos, fui ao Tribunal com dois GNRs e lá eu disse
muito contente que era CULPADO!
-Atão ná é que a porra do Juiz me condenou a 30 dias de cana por FALSO
TESTEMUNHO ?

_____

Não foram detectados vírus nesta mensagem.
Verificado por AVG – www.avg.com
Versão: 10.0.1392 / Base de dados de Vírus: 1520/3900 – Data de Lançamento:
09/16/11

Leave a Reply

 

 

 

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>